A soberania de Deus na salvação

Home / Mensagem / A soberania de Deus na salvação

A grande pergunta que precisamos fazer é esta: com quem começa a salvação? Com um homem ou com Deus? A salvação é a iniciativa humana ou divina? Paulo trata deste assunto nesta carta aos romanos. Os estudiosos dizem que Romanos é a grande Cordilheira do Himalaia de toda a revelação bíblica; e eu penso que eles têm razão, e se isso é fato, então o capítulo 8 de Romanos deve ser o pico do Everest, o ponto culminante da revelação bíblica. Depois de Paulo tratar da pecaminosidade do homem, depois de tratar da gloriosa doutrina da justificação pela fé, agora Paulo, no capítulo 8, vai mostrar para nós que a salvação foi planejada por Deus na eternidade; e Paulo diz: porquanto aos que de antemão conheceu também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho. Isso significa que antes mesmo de Deus criar os céus e a terra, Deus já havia colocado seu coração em você. Deus amou você primeiro, e o seu amor por Deus é apenas um refluxo do fluxo do amor de Deus por você. A causa do amor de Deus por você não está em você nem mim, está no próprio Deus, ele nos amou primeiro e então nós passamos a amar a Deus, porque ele mesmo mudou as disposições do nosso coração.

Paulo prossegue e diz: “aos que Deus predestinou”; é curioso isso, porque não é o homem que escolhe a Deus, é Deus quem escolhe o homem. Foi Jesus Cristo quem disse: “não fostes vós que me escolhestes a mim, pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros, e vos designei para que vades e deis fruto e o vosso fruto permaneça. É maravilhoso isso, porque Deus não me escolheu, não escolheu a você, por que viu em nós alguma coisa que merecesse sua atenção; a escolha de Deus é eterna, a escolha de Deus é em Cristo, a escolha de Deus é incondicional. Na verdade, eu cri no Senhor Jesus Cristo, porque Deus, antes da fundação do mundo, me escolheu; me escolheu não por causa das minhas boas obras, mas para que eu as pratique; não por causa da minha santidade, mas ele me escolheu para ser santo e irrepreensível, de tal forma que, tanto a fé, quanto a santidade, quanto as boas obras, são resultado da escolha divina e não a causa da escolha divina, é uma escolha incondicional.

Mas o apóstolo Paulo prossegue, disse que aos que Deus predestinou, a esses, Deus também chamou. Você sabe que há dois tipos de chamados: o externo, dirigido aos ouvidos e outro interno dirigido ao coração. Foi Jesus Cristo quem disse assim: eu conheço as minhas ovelhas, quando elas me escutam, elas me seguem, eu dou a elas a vida eterna e ninguém as arrebatará das minhas mãos. É glorioso, isso porque quando você escuta a voz do evangelho, o Espírito Santo tira o tampão dos seus ouvidos, tira a venda dos seus olhos, fala dentro de você, tira o seu coração de pedra e lhe dá um coração de carne. Ele mesmo mudas disposições íntimas do seu coração; colocando em você a fé salvadora, ele mesmo lhe dá o arrependimento para a vida, ele mesmo opera em você tanto o querer quanto o realizar. A Bíblia diz que a voz de Deus é poderosa; Deus fala e fala eficazmente: Deus fala no hospital, na rua, no campo de futebol, dentro da sua casa, dentro da igreja, e essa voz é a voz do evangelho que entra pelos ouvidos, da sua alma, mudas as disposições íntimas do seu coração e você se rende aos pés do glorioso redentor.

Clique e assista ao vídeo desta semana!

Paulo ainda prossegue e diz assim: “aos que Deus chamou, a esses Deus também justificou”. Essa é a essência do evangelho, é o coração do evangelho, a Bíblia diz que todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; não há justo, nenhum sequer, não há quem busque a Deus, mas sabe o que acontece? Vai ter um dia do juízo e todos nós vamos ter que comparecer lá. A Bíblia diz que os livros serão abertos, nós vamos ser julgados segundo o que estiver escrito nesses livros; nesse grande dia do juízo, testemunhas levantar-se-ão contra nós, as nossas palavras, as nossas obras, as nossas omissões e os nossos pensamentos. Vamos dar conta no dia do juízo por todas as palavras frívolas que proferimos, aquilo que fizemos e ninguém viu, Deus estava lá e viu; aquilo que você deixou de fazer e deveria ter feito, Deus está anotando tudo; até mesmo os desejos secretos do seu coração, tudo está nos anais do tribunal de Deus e vamos ser julgados segundo esses critérios. É óbvio, que por esses critérios, nenhum de nós pode ser inocentado no tribunal de Deus, eu não posso salvar a mim mesmo, eu não posso justificar a mim mesmo, eu não posso perdoar os meus próprios pecados, eu não posso mudar a minha própria vida, mas eu tenho algo maravilhoso pra dizer a você: o que você não pode fazer, Deus fez por você, Deus mandou Jesus Cristo, seu Filho, ao mundo, como seu representante, como seu fiador, como seu substituto. E diz a Bíblia que quando Jesus estava lá na cruz, Deus lançou sobre ele a iniquidade de todos nós, ele foi feito pecado por nós, ele foi feito maldição por nós, agradou ao Pai moê-lo naquela cruz, ele bebe sozinho o cálice amargo da ira de Deus, que devia cair sobre a sua e a minha cabeça, e quando ele está lá na cruz, diz a Bíblia que ele dá um grande brado: “está consumado!”. Está pago! Aquele que crê em mim não deve mais nada! Jesus estava pagando com o preço do seu sangue ali a nossa redenção. E diz a Bíblia que ele morreu pelos nossos pecados segundo as Escrituras, de tal maneira que ele morreu no nosso lugar, Deus puniu o meu e o seu pecado no seu Filho, e quando agora você crê em Jesus Cristo como filho de Deus, então, a justiça dele é colocada na sua conta e você é justificado. Nenhuma condenação há mais sobre a sua vida, você está quites com a lei de Deus e com a justiça de Deus.

Paulo conclui este glorioso assunto da Soberania de Deus na salvação dizendo: “e aos que Deus justificou, a esses Deus também glorificou”. Muito embora a glorificação se dará na segunda vinda de Cristo, se você foi amado por Deus, eleito por Deus, chamado por Deus, justificado por Deus, nos decretos de Deus, você já está no céu; Paulo não errou quanto ao tempo verbal, glorificou no passado, isso já está consumado e consolidado nos anais do tribunal de Deus; você está com a sua salvação assegurada e garantida.

“Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou”. Romanos 8.29-30

Rev. Hernandes Dias Lopes

Recommended Posts