Verdadeiro esconderijo

Home / Devocional / Verdadeiro esconderijo

O que habita no esconderijo do Altíssimo e descansa à sombra do Onipotente diz ao Senhor: Meu refúgio e meu baluarte, Deus meu, em quem confio. Salmo 91:1,2.

 

Verdade

A Escritura menciona algumas tentativas de se esconder de alguém, tentativas essas de personagens dentro da história da Redenção, como Davi diante do rei de Gate (1Sm 21.12), ou Elias numa caverna (1Rs 19.9), mas há um caso que destacamos é o do próprio Adão. A Bíblia disse que após desobedecer ao Senhor, eles perceberam que estavam nus e coseram folhas de figueira fazendo cintas, pela vergonha mútua causada pelo pecado (Gn 3.7); mas ao invés de buscar refúgio e abrigo no Senhor, o pecado causou medo do juízo de Deus, e distanciou-os da liberdade de estarem presentes em santidade diante de Deus. Eles se esconderam da presença do SENHOR Deus entre as árvores do jardim (Gn 3.8), ao invés de buscar o verdadeiro esconderijo, que é encontrado somente no próprio Deus.

O Salmo 91 é um salmo bastante lido e evocado mística e religiosamente por muitos. Em muitas casas este salmo é aberto na sala como se ele pudesse esconder a casa e a família dos males provocados pela Queda; como se uma mera abertura de Bíblia fosse suficiente para trazer comunhão com Deus, verdadeira segurança, descanso, refúgio, fortaleza e esconderijo.

Na realidade o salmo expressa o verdadeiro esconderijo e segurança que há na vida daqueles que têm uma vida centrada em Deus, um coração verdadeiramente transformado, resgatado, arrependido, alcançado pela graça; este, poderá passar pelo vale da sombra da morte (Sl 23.4), ter aflições (Jo 16.33), passar pelas diversas dificuldades colocadas no salmo, mas o seu coração não se assustará (Sl 91.5), pois suas mãos e pés estão seguros pelo próprio Deus, para guarda-los de tropeços (Sl 91.12); não para que seja uma vida sem problemas ou assaltos, mas para que os laços de morte eterna não rondem o coração daquele que está seguro nas mãos do Altíssimo.

Vida

Satanás já tentou uma vez deturpar este salmo, tentando a Cristo (Mt 4.6), mas o Cristo que nos garantiu o verdadeiro esconderijo, não se deixou levar por superstições ou deturpações da sua própria Palavra; antes, ele resistiu às tentações, garantiu a vitória sobre o pecado, nos legou o seu Santo Espírito, para que aqueles que recorram ao verdadeiro esconderijo de Deus, pela mediação do Filho, sejam segurados pela mão e guardados de tropeços eternos (Jd 23). A Cruz de Cristo é o verdadeiro esconderijo.

Timóteo Sales

Recent Posts