Vai-te em paz

Home / Devocional / Vai-te em paz

“Disse Jônatas a Davi: Vai-te em paz, porquanto juramos ambos em nome do SENHOR”. 1º Samuel 20.42

 

Verdade

Quando olhamos para o mundo ao nosso redor, talvez a última palavra que podemos usar para defini-lo seja “paz”. Guerras, fome, doenças, homicídios, roubos, estupros, corrupção, perseguições, ideologias antibíblicas, desemprego, e tantos problemas assolam a nossa casa.

De fato, não é fácil olhar para esse cenário e mesmo assim ter a sensação de paz. Não é fácil porque o pecado adentrou na humanidade e distorceu as estruturas criadas por Deus, dando a direção errada.

O texto, que narra parte da história de Davi e Jônatas, diz que Saul estava perseguindo Davi, e Saul era como um agente do “reino parasita de Satanás” que buscava a destruição da linhagem messiânica. Jônatas havia feito uma aliança com Davi diante de Deus, o que aumentou os seus laços de amigos para irmãos dentro da aliança com Deus.

Mesmo em meio à perseguição de Saul, Jônatas e Davi se despedem, e a palavra de Jônatas é: “vai-te em paz, porque nosso juramento não foi juramento entre mim e ti, não foi juramento de homens, foi juramento diante do Deus da aliança”.

Diante de tantos problemas que nos cercam, é possível ter paz. É possível ter paz quando se está diante de Deus. As situações da vida não são capazes de furtar a nossa paz que independe de circunstâncias.

Vida

Só é possível ter a verdadeira paz dentro da Aliança. E a Aliança só é possível através de Cristo, ele é o Anjo da Aliança, o Mediador da Aliança, aquele que nos reaproxima de Deus, que nos faz andar altaneiramente, que nos enche de alegria, que nos dá a paz que excede todo entendimento, a paz que não depende de circunstâncias, que não é como o mundo dá (Jo 14.27), aquele que tem Jesus Cristo recebe dele mesmo estas palavras: “vai-te em paz!”.

Timóteo Sales

Recent Posts