Expectativa ou certeza de vitória?

Home / Mensagem / Expectativa ou certeza de vitória?

estádio futebolOs olhos do mundo estão voltados para a Rússia, está acontecendo a copa mundial de futebol, o mais importante evento esportivo do planeta, esta é a 21ª edição da copa do mundo e tem 32 seleções que estão aí nesta disputa, buscando uma vitória consagradora; é claro que essas alturas algumas seleções já foram embora, já foram desclassificadas, e outras ainda aguardam este tão cobiçado título de campeões do mundo. Mas no futebol nós podemos ter expectativas, mas não certeza.

Nós brasileiros, nos lembramos ainda do fenômeno chamado maracanaço, que aconteceu no dia 16 de julho de 1950, quando o Brasil dependia apenas de um empate com o Uruguai para sagrar-se campeão do mundo. E o Brasil entra em campo no primeiro tempo, faz 1 a 0, e até os 23 minutos do segundo tempo ganhava o jogo. Mas naquela noite fatídica, naquele dia memorável para a nação brasileira, inesquecível até do ponto de vista de drama, o Brasil perdeu aquele jogo; o Uruguai foi campeão do mundo. Então a expectativa de vitória transformou-se em derrota amarga e fatídica.

Nós ainda lembramos também da copa de 2014, quando no Mineirão o Brasil foi vergonhosamente goleado pela Alemanha por 7 a 1. Mas eu quero dizer pra você que se no futebol temos apenas expectativas e não certeza de vitória, na vida espiritual isso não é fato; nós podemos e devemos ter certeza de vitória. Está escrito em Romanos 8.37, que em Cristo nós somos mais do que vencedores.

Qual a diferença do futebol para a vida espiritual? No futebol ganha o melhor, no futebol você conquista vitória pelo seu esforço, você então ao vencer, ergue um troféu, uma taça de honra ao mérito, mas na vida espiritual não é assim, porque os vencedores não são aqueles que laboraram, que trabalharam para vencer, a nossa vitória não foi conquistada nas quatro linhas do jogo da vida, a nossa vitória foi conquistada na cruz do calvário. Não são os fortes que vencem, nem os que correm melhor, mas os que esperam no Senhor, os que põe os olhos em Cristo, a nossa vitória não é conquistada por aquilo que nós fazemos para Deus, mas por aquilo que Deus fez por nós, na pessoa do seu filho Jesus Cristo.

Clique e assista ao vídeo desta mensagem!

Clique e assista ao vídeo desta mensagem!

Naturalmente o homem sofreu uma goleada, naturalmente o homem entra em campo derrotado, o pecado é maligníssimo; diz a Bíblia e todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus. Pelo mérito humano, todo ser humano está derrotado, todo ser humano está fragorosamente goleado pelo inimigo, porque o salário do pecado é a morte. Mas a Bíblia diz que Deus reverteu o placar da nossa vida, quando seu filho Jesus Cristo veio ao mundo, se fez carne, assumiu nosso lugar como nosso representante, como nosso substituto. E diz a Bíblia que Deus lançou sobre ele, o seu filho, a iniquidade todos nós, e quando ele foi feito pecado por nós, ele, no nosso lugar, pagou a nossa dívida com seu precioso sangue, ele quitou a nossa dívida; agora nós, que estamos em Cristo, estamos quites com a lei de Deus e com a justiça de Deus, nós fomos justificados.

O apóstolo Paulo tratando desse glorioso assunto em sua carta aos Romanos, vai então nos dizer que em Cristo nós somos mais do que vencedores. A nossa vitória decorre não do nosso esforço ou das nossas obras, decorre do glorioso sacrifício que Cristo fez na cruz em nosso favor, em nosso lugar; ele morreu a nossa morte para vivermos a sua vida, ele pagou a nossa dívida para estarmos quites com a lei de Deus; e a Bíblia diz então: já nenhuma condenação há mais, para aqueles que estão em Cristo Jesus nosso Senhor. Você pode ser mais do que vencedor, você que talvez tem sido derrotado pelas circunstâncias da vida, derrotado pelos seus pecados, pelas suas mazelas, por vícios terríveis que aprisionam você; você que tem vivido se arrastando pela vida, de expectativa de vitória, você tem sofrido derrotas amargas. Mas eu quero dizer pra você, que se você olhar para Jesus como seu salvador, se você transferir sua confiança pra ele, crer nele como filho de Deus, como seu salvador pessoal, ele perdoa os seus pecados, ele restaura sua sorte, ele ergue você da morte para a vida, da escravidão para a liberdade, do reino das trevas para o reino da luz.

Hoje mesmo, agora mesmo, você pode pôr a sua confiança no filho de Deus, ele é o único que pode salvar você, ele é o único que pode dar vida eterna pra você e ele é o único que pode dar razão e significado à sua vida. Agora mesmo, você pode fazer a mais importante decisão da sua vida, agora mesmo você pode arrepender-se dos seus pecados, agora mesmo você pode correr para os braços de Jesus, e a Bíblia diz que o Senhor Jesus afirma: aquele que vem a mim, de maneira nenhuma eu o lançarei fora. Jesus Cristo disse: quem crê em mim tem a vida eterna. Então hoje, agora mesmo, você pode ter garantia e certeza dessa vitória, a mais importante vitória; a vitória do futebol, você celebra um dia e no outro dia essa vitória já não dá mais sentido para a sua vida, é uma vitória apenas emocional, é um título que fica guardado numa sala, um troféu que fica guardado numa sala, mas a vitória que Cristo oferece, essa é permanente, essa é eterna, essa traz uma alegria indizível para o seu coração, uma alegria em que as lutas da vida não podem apagar. Hoje, agora mesmo, você pode desfrutar desta gloriosa certeza.

“Que diremos, então, à vista destas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós? Aquele que não poupou o seu próprio Filho, mas por todos nós o entregou, será que não nos dará graciosamente com ele todas as coisas? Quem intentará acusação contra os eleitos de Deus? É Deus quem os justifica. Quem os condenará? É Cristo Jesus quem morreu, ou melhor, quem ressuscitou, o qual está à direita de Deus e também intercede por nós. Quem nos separará do amor de Cristo? Será a tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo ou a espada? Como está escrito: “Por amor de ti, somos entregues à morte continuamente; fomos considerados como ovelhas para o matadouro.” Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Porque eu estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá nos separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor” Romanos 8.31-39.

Rev. Hernandes Dias Lopes

Recommended Posts
Clique e assista ao vídeo desta mensagem!dinheiro riqueza