As glórias do céu

Home / Mensagem / As glórias do céu

nature-3048299_1920O céu é um lugar preparado para pessoas preparadas, o céu é a casa do Pai, é o paraíso, é a nova Jerusalém, é o jardim restaurado de Deus, é onde nós estaremos com Cristo para sempre, desfrutando de uma alegria indizível, desfrutando daquilo que hoje os nossos olhos ainda não podem fisicamente contemplar. O céu é um lugar, o céu é um estado, é um lugar de bem aventurança eterna, é um lugar de alegria indizível.

A Bíblia diz que o céu é dado a nós, como herança, é uma dádiva, é um presente de Deus. Todos aqueles que crêem no Senhor Jesus Cristo como seu salvador pessoal e Senhor da sua vida, recebem de graça, mediante a fé, a vida eterna. Esta vida não tem fim, ela nunca vai acabar, mas também não é monótona, não é chata, não é você estar com a harpa na mão, sentado em cima de uma nuvem branca, cantando, cantando, cantando; não! A vida eterna é dinâmica, nós vamos servir a Deus, nós vamos trabalhar para Deus, mas com o corpo novo, com o corpo de glória, com um corpo que não fica cansado, que não fica doente, que não tem defeito físico, um corpo semelhante ao corpo da glória do Senhor Jesus Cristo. Lá no céu, a Bíblia diz que Deus vai enxugar dos nossos olhos toda lágrima; lá não tem tristeza, lá não tem choro, lá não tem despedida, lá não tem doença, lá não tem luto, lá não tem cortejo fúnebre, lá no céu ninguém vai ter defeito físico, lá no céu ninguém vai padecer de complexo de inferioridade, nem de auto-estima achatada; lá no céu nós vamos desfrutar de uma glória que o mundo jamais conheceu, e nem pode dar, nem pode tirar.

O céu é céu porque lá não vai entrar pecado, as coisas contaminadas não vão entrar lá; não vai ter cobiça, não vai ter orgulho, não vai ter mentira, não vai ter soberba, não vai ter iniquidade, não vai ter promiscuidade, a santidade é essência da verdadeira felicidade do céu. Lá no céu nós não teremos mais separação; quanta dor, hoje, a separação provoca; é um amigo que se vai, é um parente querido que morre; não! Lá no céu não vai ter mais separação, nós estaremos para sempre com o Senhor, desfrutando de uma gloriosa comunhão, uns com os outros. É muito comum as pessoas perguntarem assim: nós vamos nos conhecer lá no céu? É claro que vamos! Pense comigo, o céu é glorificação! Se hoje nós conhecemos em parte, então conheceremos como somos conhecidos, nós vamos conviver com alguém por toda a eternidade, e então, é claro que nós conheceremos! O que não vai ter no céu são lembranças amargas. Por exemplo, imagine que um amigo seu, um parente seu, um querido seu, não foi para o céu. Aí você chega lá e não encontra essa pessoa, aí você fica triste porque essa pessoa não foi. Nós não teremos lembranças de coisas amargas, nós teremos todas as memórias das coisas boas, lá nós estaremos em estado de glorificação, nenhuma tristeza, nenhuma dor nenhuma, nenhuma mágoa, nenhum sofrimento.

Clique e assista ao vídeo desta mensagem!

Clique e assista ao vídeo desta mensagem!

No céu não vai ter funeral, no céu não vai ter enterro, no céu não vai ter luto, no céu não vai ter dor. O céu é lugar de plenitude de alegria, de felicidade. Mas por que o céu e céu? O céu é céu porque Jesus estará lá, o nosso irmão mais velho, o nosso amigo, o nosso pastor, o nosso redentor, o Senhor da nossa vida; nós o veremos face a face, nós estaremos com ele para sempre. Nada, nada, nada, vai nos separar dele; nós veremos a face de Deus na face de Jesus, nós reinaremos com ele, nós serviremos a ele. Agora pense comigo, se nesse corpo nosso, que é frágil, que fica doente e cansado, que fica até caquético, nós conseguimos fazer tantas coisas lindas, dizem os estudiosos que nós não exploramos sequer 10% do nosso potencial, imagine comigo o que nós não poderemos fazer com um copo 100% turbinado pela glória de Deus? Quantas coisas lindas, quantas coisas maravilhosas nós faremos para Deus, na presença de Cristo, servindo por toda a eternidade.

O céu é céu porque nós vamos conhecer a Deus, e fruir a presença de Deus, e glorificar a Deus, e jamais haverá um dia na vasta insondável eternidade que nós possamos dizer assim: agora já conheço tudo acerca de Deus, não tenho mais nada para conhecer; porque Deus é inesgotável em seu ser, e nós vamos conhecê-lo, e nós vamos amá-lo, e nós vamos frui-lo, e nós vamos glorificá-lo, e nós vamos servi-lo para sempre, e sempre, e sempre, e sempre. O céu é melhor, as glórias deste mundo comparadas com o céu não passam de esterco! Foi o que o apóstolo Paulo disse! As vantagens deste mundo diante da sublimidade do conhecimento de Cristo é nada para nós.

Então, eu quero fazer um apelo a você: você está tão agarrado aqui, plantando raízes aqui, construindo seu império aqui, tudo que você está construindo aqui vai ficar aqui, vai ser entesourado no fogo, você não trouxe nada para este mundo, você não vai levar não vai levar nada deste mundo; a sua pátria não é aqui, o seu tesouro não está aqui, a sua herança não está aqui, então ponha a sua confiança em Jesus, não confie no seu dinheiro, não confie na sua saúde, não confie na sua religião, confie somente em Jesus, porque ele é quem toma você pela mão e leva você ao Pai; ele é quem é o caminho para o céu, é ele quem é a porta do céu, ele que é o mediador entre você e Deus, só ele, só Jesus pode levar você ao céu. Por que você vai trocar as glórias do céu, que são eternas, por prazeres transitórios; por que você vai dispensar a bem-aventurança eterna por um prato de lentilhas, de prazeres imediatos? abandone o seu pecado, ponha sua confiança em Jesus, e por herança você receberá a vida eterna, você receberá o céu.

“E vi novo céu e nova terra, pois o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. 2 Vi também a cidade santa, a nova Jerusalém, que descia do céu, da parte de Deus, preparada como uma noiva enfeitada para o seu noivo. 3 Então ouvi uma voz forte que vinha do trono e dizia: — Eis o tabernáculo de Deus com os seres humanos. Deus habitará com eles. Eles serão povos de Deus, e Deus mesmo estará com eles e será o Deus deles. 4 E lhes enxugará dos olhos toda lágrima. E já não existirá mais morte, já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras coisas passaram”. Apocalipse 21.1-4.

Rev. Hernandes Dias Lopes

Recent Posts
mammal-3128351_1920orvalho