A certeza da salvação

Home / Mensagem / A certeza da salvação

bibleA salvação é uma dádiva de Deus, e esta dádiva é oferecida todos aqueles que creem no Senhor Jesus. Jesus Cristo foi claro quando disse assim: “em verdade, em verdade vos digo, quem crê em mim tem a vida eterna”. Jesus não disse que teve, nem que terá, mas que tem a vida eterna. Portanto, todo aquele que crê no Senhor Jesus tem a vida eterna.

O grande problema é que, com respeito a este assunto, dois erros graves podem ser cometidos: primeiro é de a pessoa ter a salvação, mas não ter a certeza, por um problema doutrinário de não compreender bem o que a Bíblia ensina sobre o assunto. A pessoa imagina o seguinte: eu não posso ter essa certeza, embora salva porque creu em Jesus, ela não desfruta da certeza, ela não usufrui alegria, ela fica instável, com medo de estar salva de manhã e perdida à noite, com medo de ser filho de Deus de manhã e ser filho do diabo à noite, com medo de estar indo para o céu de manhã e ir para o inferno à noite. Esta instabilidade é cruel na vida de um cristão.

O segundo problema tão grave quanto este, ou talvez até maior, com certeza, é a pessoa ter uma falsa segurança, ela acha que está salva; ela diz que é salva, ela comenta para os outros que ela está salva, mas ela não está a salvo. E Jesus aborda este assunto no seu Sermão do Monte, quando disse que no dia do juízo muitos vão dizer: Senhor, Senhor, porventura não profetizamos em Teu Nome, não expelimos demônios em Teu Nome, não fizemos muitos milagres em Teu Nome? E Jesus vai dizer para essas pessoas: “apartai-vos de mim, vós os que praticaram iniquidade, eu nunca vos conheci”. Esta é a falsa certeza é a pessoa que se diz salva, mas não foi regenerada, se diz salva, mas vive no pecado, se diz salva, mas vive uma vida irresponsável diante de Deus e dos homens, esta certeza não tem fundamento sólido, por isso é falsa, essa pessoa se diz salva sem estar a salvo.

Mas o que a Bíblia nos ensina é que se você creu no Senhor Jesus você pode ter essa certeza e deve ter essa certeza. Quando João escreveu o evangelho, o evangelho de João, ele tinha um propósito em mente, é para que você crendo em Jesus, pudesse ter nele a vida eterna. Mas quando ele escreve a primeira carta, ele tem um outro propósito, é mostrar que se você creu no Senhor Jesus, você pode ter a garantia e a certeza da vida eterna. Ele escreve assim: “filhinhos, estas coisas eu vou escrevi, para que saibas que tendes a vida eterna”.

Clique e assista ao vídeo desta mensagem!

Clique e assista ao vídeo desta mensagem!

Note que o propósito de João é que você saiba disso, que você conheça isso, você se aproprie disso, então você não precisa ser um crente instável, inseguro, medroso, apavorado com respeito à sua salvação; porque Deus ao salvar você, salvou de verdade, de verdade. É por isso que nós podemos fazer a seguinte afirmação: “uma vez salvo, salvo para sempre”. O que tenho percebido é que a maioria das pessoas que rejeitam esta gloriosa doutrina bíblica, chamada de “Perseverança dos santos”, ou “A segurança da salvação”, ou “A certeza da vida eterna”, é que elas olham para algumas pessoas que dizem ser salvas, que dizem ter certeza da salvação, vivendo no pecado, uma vida relapsa, uma vida repreensível, e ela diz: ah, se aquela pessoa lá diz ser salvo, e está vivendo desse jeito, então esse negócio de certeza salvação é uma coisa inconsistente. Você não precisa rejeitar a doutrina por causa desse fato, o que você precisa botar em xeque é a verdadeira conversão dessas pessoas. O apóstolo João, por exemplo, escrevendo a sua primeira carta, capítulo 2, versículo 19, ele diz assim: “essas pessoas saíram do nosso meio, porque não era um dos nossos, se tivessem sido, teriam permanecido conosco”. Por exemplo, o apóstolo Paulo quando escreveu aos Efésios, ele diz que Deus nos escolheu antes da fundação do mundo para sermos santos e irrepreensíveis. Portanto, você só pode dizer que está salvo e tem certeza da sua salvação se você está vivendo uma vida de santidade e de irrepreensibilidade. Deus nos salva do pecado e não no pecado. Então, uma pessoa que não dá provas de conversão, não tem nenhuma sede ou vontade, ou prazer, na santificação, mesmo que ele diga que está salvo, não está porque quem está salvo se deleita em Deus, se deleita na palavra de Deus, tem prazer na vida de santidade, ele busca santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor.

Mas se você creu no Senhor Jesus, o que aconteceu na sua vida? Você nasceu de novo, é uma nova criatura, as coisas antigas ficaram para trás, tudo se fez novo na sua vida. Jesus Cristo tratando desta matéria, ele diz assim: “eu conheço as minhas ovelhas, eu dou a elas a vida eterna e ninguém arrebata as minhas ovelhas das minhas mãos”. A segurança da salvação não está em você, está em Deus; Deus não pode falhar, toda a nossa salvação é obra de Deus, foi Deus quem planejou, foi Deus quem chamou, foi Deus quem nos regenerou, foi Deus quem nos deu arrependimento para a vida, é Deus quem nos dá a fé salvadora, é Deus quem nos justifica, é Deus quem nos sela com o Espírito Santo, é Deus quem escreve o nosso nome no livro da vida, é Deus quem nos garante a nossa salvação.

Portanto quando você afirma: “eu estou salvo porque cri no Senhor Jesus, e recebi dele o presente da vida eterna”; isso não é presunção, como alguns dizem, presunção é Deus fazer uma promessa para você e você não acreditar nela. Pois Deus prometeu e ele é fiel para cumprir. Aquele que crê tem a vida eterna. Não é isso que a Bíblia ensina? João 3.16, porque Deus amou o mundo de tal maneira, e deu o seu filho unigênito, para que todo o que nele crê, não pereça, mas tenha a vida eterna; então você pode ter a vida eterna.

Paulo, certa feita, escreveu para Timóteo, que era um jovem tímido, e Paulo disse assim para ele: Timóteo, toma posse da vida eterna, toma posse, esse tesouro é seu, Timóteo, não viva sua vida cristã à míngua Timóteo. Você pode viver uma vida maiúscula, uma vida superlativa, uma vida abundante, você pode ter garantia e certeza da vida eterna, Timóteo. E eu digo para você, se você agora mesmo pôr a sua confiança em Jesus, se arrepender dos seus pecados, e crer no filho de Deus, você pode ter a certeza, a garantia e a alegria da vida eterna. Que bênção é desfrutar dessa segurança, que privilégio é ter essa certeza, que bênção é ter esta alegria, de ser filho de Deus, e ter a certeza da vida eterna.

“Estas coisas vos escrevi, a fim de saberdes que tendes a vida eterna, a vós outros que credes em o nome do Filho de Deus.” 1ª João 5.13.

Rev. Hernandes Dias Lopes.

Recommended Posts
tumulovaziocriançachorando